Colégio Santa Catarina de Sena - Bem Vindo!

Agradecimentos

AGRADECIMENTOS


agradecimentos


crismandos-2018

115 ANOS DO CSCS

  Mais do que um colégio, uma segunda casa. Por mais clichê que essa frase possa parecer, ela é a mais certa para representar o sentimento que pulsa no coração de cada aluno do Santa Catarina. Suas paredes viram crescer e se formar não só profissionais, mas cidadãos engajados com os princípios religiosos, seguindo os caminhos trilhados por Madre Savina. Ao longo de seus 115 anos, o Colégio Santa Catarina de Sena fez de seus alunos verdadeiros filhos que guardarão para sempre os momentos, alegrias e aprendizados vividos na escola amada.

  O Santa Catarina é um colégio especial. Aqui se ensina valores fundamentais na formação humana: fraternidade, amor, respeito, solidariedade, gentileza e outros ensinamentos que cada um de seus alunos levará para toda a vida. Em sua longa caminhada, o colégio vem proporcionando momentos de encontros para valorizar a fé, a família e a vida dada por Deus. Além de possuir excelente ensino, com professores qualificados, infraestrutura completa e valores agregados à prática do esporte, a escola marca a vida de seus alunos e funcionários com sua visão acolhedora, unindo-os nos laços deixados por Jesus, tornando todos parte de uma só família: a família Saviniana.

   Muitos dos alunos que aqui chegam, podem chegar sob a pressão de tudo o que o futuro reserva, porém logo se sentem acolhidos por toda a equipe catarinense. Esta é a casa onde os jovens sentem-se envolvidos pela palavra de Deus, fazem amigos, conhecem religiosas e professores dispostos sempre a ajudar cada aluno nesta longa caminhada chamada "vida", além, é claro, de receber toda a preparação acadêmica para o ingresso na Universidade e na carreira profissional.

  Colégio Santa Catarina de Sena. Esta é a instituição que há mais de um século prepara gerações para tornar o mundo um lugar melhor, deixando no coração de seus alunos todos os momentos bons vividos nos tempos de colégio e o eterno sentimento de agradecimento. Parabéns Santa e que venham os próximos 115 anos de uma caminhada de sucesso.

Crismando 2018.

 

Agradecimentos

  Noto a mudança em minhas filhas: hoje estão muito mais participativas e integradas ao estudo. Digo: que trabalho maravilhoso que vocês fazem! Isto é graça! isto é a presença de Jesus e da Virgem Maria.
  Minhas filhas estão muito felizes e nem sentem falta do antigo colégio. Parabéns! Minha esposa e eu estamos super satisfeitos.
  Parabéns a todos que fazem deste Colégio o melhor de Belém!
  Parabéns especial às Irmãs Savinianas!
    Mauro Correa Leite


cmm

GABRIELA

A nossa Gabriela defendeu hoje o TCC dela na UFRA e passou com o conceito excelente. 
Queremos dividir a nossa felicidade com o Colégio Santa Catarina de Sena, que lhe deu uma base sólida para que ela chegasse até aqui. Não poderia ser diferente, pois a Escola é a extensão da nossa casa, é aonde nossos filhos mostram o que aprendem conosco para catalisar o que vem de vocês, para que haja a perfeita integração educacional para toda vida.

Ela irá para Jaboticabal-SP para fazer o Mestrado em Ciência do Solo, com bolsa, na UNESP/USP agora no dia 20.

Muito obrigado!
Luiz Carlos Almeida.

 “Irmãs, gostaria de desejar a vocês um feliz Ano Novo, cheio de graças e felicidade, e gostaria de agradecer pelos anos que fui estudante desta maravilhosa instituição que sempre guardarei no coração, junto com cada uma de vocês. Continuarei indo visitar e dar um abraço apertado em cada uma, e claro, frequentando o grupo Chama.”

Yasmin de Fátima


 “Agradeço muito ao Colégio e à Congregação. Foram ímpares nessa minha caminhada e formação. Devo muito às Irmãs. Meu muito obrigada a todas vocês!”

Bruna Magalhães


 Belém, 19 de Novembro de 2017

Caras irmãs Savinianas do Colégio Santa Catarina de Sena.

 Escrevi-lhes esta carta com o intuito de expressar toda a minha gratidão e agradecimento diante de tudo que vocês possibilitaram na minha vida através de uma bolsa de estudos, durante tantos anos de estadia nessa instituição pela qual me apaixonei. Com efeito, eu e minha família rogamos muito à Deus antes que tudo se concretizassem, há aproximadamente 7 anos quando eu estava ingressando na quinta série (atual 6° ano ), já que não tínhamos e nem temos condições financeiras de ter acesso a um colégio tão renomado, reconhecido e competente. Atualmente olho para trás e percebo que Deus foi misericordioso e também apareceu em minha vida por meio de vocês, que por um ato de pura bondade e compaixão me deram essa oportunidade que jamais conseguirei retribuir. Por isso tento expressar ao máximo minha gratidão e felicidade através deste texto. Foram muitos anos de aprendizado e convivência num ambiente sempre almejado por muitos, com um espaço apropriado, prevendo uma educação a luz da fé cristã, sempre de maneira ética e com profissionais extremamente habilitados (não tratando somente de professores, como de todos os funcionários da rede Saviniana, sendo de que certo modo cada um ficará marcado em minha vida), e tudo isso me deu um crescimento intelectual, me deu oportunidade de criar amizade e acima de tudo, me preparou para a vida, formando meu caráter e minha pessoa, e me preparando a lidar com desafios que virão no futuro. Por isso tudo eu deixo nessas minha palavras os meus profundos e sinceros sentimentos, e rezo para que Deus de fato vós dê o cêntuplo do que vocês fizeram por mim e ainda tem feito pela minha família. Portanto, assim encerro minha jornada no Colégio Santa Catarina de Sena, com um misto de saudade e agradecimento, sentimentos que sem dúvida vão perdurar pelo resto da minha vida.

 Novamente eu volto a dizer Obrigado! E saibam que estarei sempre disposto a qualquer coisa que possa ajudar-vos daqui em diante, dessa vez como amigo.

Com imenso carinho,
Paulo Fragallo Ferreira.


 Irmã Regiane,

  Tenho dois filhos no Colégio: Igor finalizando o 1º ano do ensino médio e o Fernando, que encerrou o 1º ano do ensino fundamental. O Nando tem distúrbio do processamento auditivo, parece ser um problema simples frente a outros mais complexos, mas para mim, que estudo com ele, é bem difícil.
  Por causa do Nando, quero agradecer a escola por ter colocado tantas pessoas especiais para cuidar dele.
 Não fossem essas pessoas, as quais confiei, não sei como seria, apesar de acreditar que, estando o Nando estudando no CSCS, ele sempre seria e será bem cuidado.
  À coordenadora Márcia, a qual nem sei como dizer o quanto ela estará sempre nos meus pensamentos. Ela é sensível, generosa, paciente, dedicada, amorosa e outros tantos adjetivos que só aumentam minha admiração por ela.
  À professora Vera que sempre acredita no Nando mais do que eu mesma, não permitindo a comparação entre o meu filho e as outras crianças. Sempre estimula e apoia a mim e o Nando, vibrando com cada conquista dele. À professora Rosenil que com tantos alunos para ensinar em uma única sala consegue dedicar a atenção necessária a cada aluno, incentivando o Nando para acompanhar a turma com serenidade.
  A estagiária que dedicava seu tempo a acompanhá-lo, mesmo quando acabava a aula e outros exigiam sua atenção.
  Todas essas pessoas são especiais e estarão sempre em minhas orações. Que Deus sempre possa abençoá-las e permitir que cuidem por muito tempo de nossas crianças.

Cláudia Haber


 Agradecimento

Caríssimas Irmãs dos Pobres,

  É com muita alegria que transcrevo para esta singela carta os meus melhores votos para a instituição que por mais de 10 anos me deu abrigo e colo, servindo como segunda casa desde a minha infância até minha juventude.

  E nada do que aconteceu seria possível se não fosse pela perseverança e compaixão com que as muitas irmãs que passaram pelo Colégio Santa Catarina doaram por essa que é a primeira casa da Congregação in terras brasílis. Madre Savina certamente está satisfeita pelo trabalho de mais de 110 anos realizado por suas enviadas. Que glória!

  Nesses 13 anos felizes em que fiquei matriculado no Santa muitas lembranças perpassam pela minha cabeça, algumas irmãs que sequer moram aí e outras que largaram o hábito por motivos que não me convém. Porém, muito me convém o carinho que todas me dera, desde o início. E cito algumas que certamente ficarão para sempre na minha memória: Irmãs Dalva, Terezinha, Silva, Daniela, Rosário, Karla, entre outras que me inspiram sempre à vida com Cristo.

   Vi e vivi muitas mudanças na escola, desde a antiga cor amarela com o estacionamento na frente até a atual, branca que transpira paz a quem passa pela frente. Sabem o porquê? Porque é um lugar feliz e de paz. E levarei a todos os lugares os ensinamentos de paz em Deus que vocês me deram.

  Foram muitos momentos bons, muitas coroações na Capela, muitos momentos de perdão, espiritualidade e conversa com Deus. E Ele sente lá do céu as nossa angústia e preocupações, e como bom Pai, nos ajuda e nos oferece a vitória que Ele assume por nós, filhos em busca de paz. Obrigado meu Deus, por colocar na minha vida essa instituição que só ratificou o quanto o Senhor é bom e generoso.
 Não posso deixar de confessar à todas que um dos meus maiores anseios na vida, desde criança é visitar a Casa Mãe, em Siena. Sinto necessidade de respirar o ar puro que inspirou Me. Savina a ser quem foi, a servir a Deus e espalhar a Sua palavra aos mais necessitados. Afinal, “a alma aspira a Deus, seu único fim”.

 Tantas outras palavras e memórias não caberiam numa simples folha de papel, mas cabem no meu coração. E isso é o que importa. Espero que caibam também em cada coração iluminado como os de vocês.

 Com as preces de Nossa Senhora de Nazaré, Santa Catarina de Sena e a intercessão de Madre Savina Petrilli, permanecemos fortes in fide.

E que Deus Pai nos abençoes sempre. Amém!

João Victor Naiff Senseve.


 Agradecimento

  Meu nome é Adele Serrão Pinheiro, eu e meus irmãos (Amanda e André) estudamos no Colégio Santa Catarina de Sena por mais de 10 anos, de 1984 a 1996. Hoje sou Pedagoga e Advogada e como profissional da Educação sempre digo que o diferencial em uma boa educação formal é o Ensino Fundamental de qualidade e nesse tópico o CSCS foi simplesmente fantástico. Os alunos da minha época terminavam a quarta série dominando a 4 operações matemáticas e todas as técnicas de interpretação de textos. Como aluna de Pedagogia tive a oportunidade de estagiar no CSCS e foi mt bom poder novamente conviver neste espaço. O carinho das irmãs e os professores maravilhosos nunca serão esquecidos, sempre indico para clientes e amigos que matriculem seus filhos lá e se eu tiver oportunidade com certeza farei o mesmo.

Orgulho de ser ex CSCS sempre!


 Agradecimento

“Obrigado ao Colégio Santa Catarina de Sena, aqui representado pela Irmã Francisca (Diretora Pedagógica), Roseane Monteiro (Coordenadora do Convênio) e Ana Cláudia Fraiha (Vice-diretora), pela vitória do nosso filho, GUSTAVO MUSSI, na UFPA, que sempre foram nossos parceiros na educação e orientação dele no decorrer de 11 anos de estudo dentro desse colégio que faz de tudo para que possamos ter esse resutado chamado VITÓRIA /APROVAÇÃO NA UFPA.”

Milene Gonçalves.


 EXPERIÊNCIA NA JORNADA DA JUVENTUDE SAVINIANA 2015

 “Calça as sandálias, assume a missão!” Eis o tema da Jornada da Juventude Saviniana deste ano de 2015 da qual tive a imensa alegria de poder participar e vivenciar cada momento de espiritualidade e de felicidade que foram proporcionados aos jovens da rede saviniana. Mas, afinal, o que significa calçar as sandálias e assumir a missão? Esse vinha a se tornar meu maior questionamento. Será que Deus tinha uma missão para mim? E que missão era essa?

 Ao longo dessa jornada, em cada momento de espiritualidade, vinha pedindo a Deus que me orientasse e me desse um sinal daquilo que ele já tinha guardado para mim. Pois bem, em uma formação do Padre Antônio Cruz, senti algo muito forte quando ele pediu para que virássemos para o jovem ao nosso lado e disséssemos: “Eu entendo a sua dor”. Porque ser cristão é isso, é ajudar ao próximo e ter compaixão do mesmo, independente se é seu amigo ou não, se você conhece a sua história ou não. Nenhum sofrimento é maior que outro, devemos sempre ajudar aquele irmão que precisa de um ombro amigo.

  À tarde, fomos assistir a um filme, e logo fiquei desanimada pensando que estávamos perdendo a nossa tarde fazendo algo que poderíamos fazer em nossas casas. Não sabia o que estava por vir. Graças a esse filme, que contava a história do médico Giuseppe Moscati que se tornou santo através do exercício da sua profissão, eu tive a resposta àquilo que procurava, a minha verdadeira vocação.

  Não entendia muito das comunidades novas, para mim, vocação era ser padre ou ser freira. Foi então que eu entendi que, a exemplo de Moscati, a minha busca pela santidade poderia se concretizar na minha vida profissional. Deus me colocou no mundo para agir segundo os Seus planos, como uma resposta às necessidades e aos sofrimentos dos homens. Servir como instrumento dEle na cura dos enfermos e à prática do bem. “Lembrem-se que, ao optar pela medicina, vocês tomaram a responsabilidade de uma missão sublime. Com Deus no coração, perseverem, praticando os ensinamentos de seus pais, o amor e a compaixão pelos que sofrem e com uma fé e entusiasmo surdos aos elogios e às críticas, insensíveis à inveja, disposto unicamente à prática do bem” – Giuseppe Moscati.

 Além disso, aprendi o verdadeiro sentido do perdão, a não ter medo e/ou vergonha da confissão, de não ter vergonha de dar testemunho de nosso Senhor, de sentir a presença do Espírito Santo sobre nós e de ter a certeza de que Deus nos ama e morreu na cruz por amor a nós. Levo comigo na bagagem uma experiência linda e sublime para a qual todos deveriam ter a oportunidade de se entregar e vivenciar.

 Gostaria de agradecer aos meus amigos que se tornaram uma verdadeira família para mim, às Irmãs e colaboradoras que zelavam por nós, à banda que nos encheu de alegria com as canções mais lindas, ao Padre Toinho (Pe. Antônio Cruz) que com toda sua sabedoria nos direcionou para um caminho melhor, a todos os jovens da Jornada que compartilharam desse momento de descobrimento e renovação da nossa fé cristã e, principalmente, a Deus, por nos ter concedido a graça de vivenciar um momento tão especial como esse e nos dar coragem e ânimo para assumir nossa missão.

Ana Carolina Marques de Oliveira.
CSCS – BELÉM DO PARÁ


 Caros(as) professores(as), coordenadoras, irmãs e toda equipe catarinense, Hoje é meu último dia estudando nesse colégio, no qual formei grande parte do meu caráter e que - em parceria com a minha família - me ensinou, não apenas matemática, português, química... mas sim, aprendizados para a vida.

 No Santa Catarina, aprendi a pensar no outro, a me aproximar de Deus e a entender que fazendo o bem, receberei o bem e que as dificuldades servem apenas para perceber que há algo melhor me aguardando. Portanto, escrevo apenas para agradecer por essa segunda família que esteve ao meu lado durante 14 anos, sempre acrescentando na minha vida, desde o porteiro do colégio até a diretora. Muito obrigada por todo o aprendizado, espero poder trazer meus filhos, daqui há alguns anos, para esta escola que, sem dúvida, foi essencial na minha formação.

 Júlia Maneschy, aluna do convênio de 2015


 Agradecimentos
Às Irmãs, professores e colaboradores do Colégio Santa Catarina de Sena,

 Não tenho palavras para agradecer os 14 anos de aprendizado que minha filha, Júlia Maneschy, teve nesta escola.
 A escola é a segunda casa desses jovens, portanto temos que acertar na escolha, pois a escola contribui na formação com educação e formando pessoas de bem, também. Já sinto um enorme aperto no peito em pensar que não farei mais esse percurso diário, mas, ao mesmo tempo, fica a tranquilidade da missão cumprida. Mais uma vez quero agradecer à escola e a todos os colaboradores, desde os porteiros até os professores, o meu mais sincero MUITO OBRIGADA!

Rosa Maneschy


© CSCS - COLÉGIO SANTA CATARINA DE SENA - Todos os direitos reservados

Av. Nazaré, 1016 - Nazaré - Belém - PA - Fone: 91 3321 - 2600 / Fax: 91 3321 - 2623